Lúcia Moniz

O Meu Coração Não Tem Cor

Country
🇵🇹 Portugal
Final
Finished 6th
Song
O Meu Coração Não Tem Cor
Written by
José Fanha
Composed by
Pedro Osório
Broadcaster
Radiotelevisão Portuguesa

Lúcia Moniz was born the 9th of September 1976 in Lisbon. She is a popular Portuguese singer and actress. She has released four music albums to date and has also acted in several films, including Love Actually.

Lúcia studied music for 10 years, the last of which she spent in the USA. There she sang in a choir and participated in musicals. Later she studied percussion at the Lisbon Metropolitan School and it was at that point that she won the ticket to Oslo for the 1996 Eurovision Song Contest giving Portugal its best place to date.

Magnolia, 67, Leva-me P'ra Casa and Fio De Luz are the titles of the albums she has released up to 2011 and after breaking into the international scene in 2003's Love Actually she has appeared in many film and TV productions, most recently the English language film The Right Juice in 2013.

Her song O Meu Coração Não Tem Cor placed 6th is Oslo and it was written by the teacher and poet José Fanha with music by the Oporto-born popular musician Pedro Osorio, who also conducted the orchestra.

Lyrics of O Meu Coração Não Tem Cor

Andamos todos a rodar na roda antiga Cantando nesta língua que é de mel e de sal O que está longe fica perto nas cantigas Que fazem uma festa tricontinental Dança-se o samba, a marrabenta também Chora-se o fado Rola-se a coladeira P'la porta aberta pode entrar sempre alguém Se está cansado Diz adeus à canseira Vai a correr o corridinho Que é bem mandado e saltadinho E rasga o funaná Faz força no malhão Que a gente vai dançar Sem se atrapalhar No descompasso deste coração E como é e como é e como é Vai de roda minha gente Vamos todos dar ao pé Estamos de maré vamos dançar Vem juntar o teu ao meu sabor Põe esta canção a navegar Que o meu coração não tem cor Estamos de maré vamos dançar Vem juntar o teu ao meu sabor Põe esta canção a navegar Que o meu coração não tem cor Andamos todos na ciranda cirandeira Preguiça doce e boa vai de lá, vai de cá Na nossa boca uma saudade desordeira De figo de papaia e de guaraná Vira-se o vira e o merengue também Chora-se a morna Solta-se a sapateia P'la porta aberta pode entrar sempre alguém Que a gente gosta De ter a casa cheia Vamos dançar este bailinho Traz a sanfona o cavaquinho A chula vai pular nas voltas do baião Que a gente vai dançar Sem se atrapalhar No descompasso deste coração E como é e como é e como é Vai de roda minha gente Vamos todos dar ao pé Estamos de maré vamos dançar Vem juntar o teu ao meu sabor Põe esta canção a navegar Que o meu coração não tem cor Estamos de maré vamos dançar Vem juntar o teu ao meu sabor Põe esta canção a navegar Que o meu coração não tem cor Eh! (E vai de volta, vai de volta, p'ra acabar) Que o meu coração não tem cor